School Concert – a vez do Nickito

Ele estava eufórico, tão eufórico que não cabia dentro de si, estava ansioso pelo dia da sua apresentação, louco pelo dia em que, pela primeira vez, pisaria no palco.

E lá fomos nós, nesta última terça-feira, assistir o School Concert, onde o Nickito seria um dos pinguins do Prep B, representantes da Antártica. Gente, nível de fofura super-mega-hiper-blaster!

O show todo durou apenas uma hora e contou com a participação de aproximadamente 200 crianças, divididas por turmas de Prep, grade 1 e grade 2, cada qual representando um país ou região. Como sempre, os Preps eram os mais fofos 🙂

Nickito se encontrou naquele palco. Dançou tão bonitinho, que eu quase chorei de emoção (novidade, né?).

p1050926-1024x683

p1050924-1024x683

Infelizmente, apesar de ter levado duas câmeras para fotografar e o iPad para filmar, não tive sucesso, já que ficamos muito distantes do palco e mesmo minha lente mais poderosa não conseguiu captar imagens dignas por conta da baixa luminosidade. Fiquei arrasada, né?

Pelo menos, ao final do show, consegui tirar umas rápidas fotos do meu pequeno pinguim 🙂

p1050929

p1050930

p1050931

Da próxima vez, me candidatarei a fotógrafa (cof cof) do backstage, que é onde consegue-se as melhores fotos.

p1050936-1024x683

p1050933

Vivi, tadinho, que só participou de um School Concert, quando também estava no Prep (nos dois anos seguintes, estávamos em Barcelona), ficou com os olhinhos brilhando de vontade de estar no palco.

Não há a menor sombra de dúvidas que meus dois molequinhos curtem os holofotes, um para atuar, ou outro para dançar.

Quem disse que mãe de menino não tem dessas alegrias, hein? 😛


Em tempo: Ontem, voltando do Karatê, Nickito tava meio triste e disse que não queria mais ir às aulas. Foi difícil arrancar dele o motivo, mas depois de muito insistir, me contou que um dos coleguinhas estava “fighting him” antes da aula. Disse que o papai não viu, porque eles estavam numa corner. Disse também que o garoto bateu com a cabeça dele na parede – imagino que não tenha sido com muita força, mas ainda assim fiquei chocada! Resultado: Nickito fez sua pior aula, sem vontade, só pra constar, e quando chegou em casa, conversando comigo, pediu para sair do Karatê e entrar pra aula de dança. Tadinho, sentiu-se acuado e, imagino, comparou os treinos do Karatê com os ensaios pro Concert, onde ninguém luta, só dança e se diverte.

Conversei com ele, e concordamos que ele continuará no Karatê até o fim do termo e que na Coréia, procuraremos um curso de dança/teatro pra ele fazer, mas que até lá, ele precisa enfrentar os bullies, contar pro instructor, pedir pra parar, enfim, não ser firme.

Hoje ele tem outro treino, vamos ver o que acontece.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s