Cadê meu baby Nick?

p1040546

Hoje foi o dia da formatura do Nickito no Kinder e eu jurei que não iria me emocionar, mas cê sabe, né? Meu nome é Erica e eu sou a manteiga derretida em pessoa.

Pois bem, lá fomos nós à pequena cerimônia de graduação do meu segundinho.

Durou uma horinha só, bem simples, mas super organizadinho. Montaram um palco dentro da sala e a professor-chefe fez um discursinho e apresentou o evento.

Eu não sabia se filmava, fotografava, ou se sentava e assistia. Meu marido sempre diz que, enquanto eu estou tirando fotos, as coisas estão acontecendo e eu não estou participando. Pode até ser verdade, mas outra verdade é que se eu não registrar esses momentos, ninguém mais vai se habilitar. E a terceira verdade é que todo mundo adora folhear os álbuns e rever os momentos que a mamãe aqui, tendo se privado de assistir ao vivo, registrou ☺ Então é assim: eu me sacrifico pelo grupo, em nome de salvar as memórias.
O fato é que, mesmo vendo o evento acontecer através do visor da minha câmera, o nó na garganta tava presente, o coração acelerado e umas lágrimas teimavam em cair. Mãe é um bicho bobo, né?

p1040528p1040536p1040539p1040551p1040557p1040563

Ver meu segundinho entrando de beca, pegando seu diplominha e indo pro seu lugar, tão gente grande, me deixou com um misto de orgulho e aperto no coração. Como eles crescem rápido!

Entrei no túnel do tempo e revivi, por uns instantes, a formaturinha do Vivi, naquela mesma sala, há três anos e, confesso, parece que foi ontem!

Lá estava eu, me despedindo do meu segundo bebê, que agora já é um big boy, e ao lado do meu primeiro bebê, que para meu desespero, às vezes, parece ainda mais velho do que realmente é. O Vivi, ao contrario do Nick, não faz a menor questão de ser o menininho da mamãe e sempre me deixa em pâncio dizendo que aos 18 anos vai sair de casa, morar em outro país (mas que vem nos visitar).

p1040566p1040575p1040577p1040582

Quando o Vivi graduou-se no Kinder, eu me emocionei muito, mas me confortava um pouco o fato de eu ter outro pitoco, ainda no comecinho da caminhada. Hoje, é seguro dizer que acabou, que a fase de ter filhotes no kinder está encerrada e isso acaba comigo 😦

Mas é isso aí, bola pra frente, porque o terceirinho ficou apenas no imaginário. Agora, aos 3.8 e com uma mudança programada para a Coréia, fica completamente inviável aumentar a família. Não há energia, não faz sentido. O desejo ainda existe, mas quem disse que a gente pode ter tudo o que deseja, não é mesmo?

Ano que vem, serei mãe de dois school boys e tenho certeza que muitas emoções ainda me aguardam nesta caminhada.

p1040586

PS. O Nickito tem uma professora que eu amo de paixão, a Mim, uma menina de 25 anos que simplesmente adora o Nick (e ele a ela). Ela é muito querida e tão manteiga derretida quanto eu (tá na profissão errada, né? Rs). Só de olhar pra ela, cada vez que entro na Pelican, sinto um aperto no coração, um nó na garganta. Sou péssima com despedidas, odeio dar tchau, odeio pensar que nunca mais verei uma pessoa que eu gosto (até hoje sinto saudade da Madre Piedade, minha professor no maternal). Fico triste pelo Nick, que é tão apegado à Mim. Fico triste…

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s