último dia da Gi(nda) aqui – buáaaa


Hoje o dia foi em ritmo de despedida. Marido foi pra Uni fazer uma apresentação e voltou pra almoçarmos com a Gi.

Finalmente comemos o famoso arroz Negro (tintura de Lula), que apesar de feioso (parece feijão) é realmente delicioso.

Demos uma voltinha, mas não tivemos muito tempo pra firula (por causa do tempero e não da tintura, acho eu).

O trem da dinda tinha hora pra partir. Ver minha amiga/comadre descendo as escadas rolantes do metrô me deu uma dor no coração, um nó na garganta, uma tristeza tão grande que não consegui segurar as lágrimas. Essa vida cigana nos deu de presente muitas coisas boas, mas nos tirou o convívio de uma das melhores amigas que já tive na vida. Tive não, tenho, porque amigos de verdade a gente não perde e esta estada da Gi aqui provou mais uma vez que amizade da boa sobrevive seja qual for a distância ou o tempo longe.

Desde o primeiro minuto, foi como se nunca tivéssemos deixado de ser vizinhas. Agora é focar no fim do ano – porque ela já prometeu que irá nos visitar, desta vez na terra do cangurú. Eu vou cobrar! 🙂

À noite assistimos a abertura da Copa (ruinzinha pra caramba) e ao jogo inaugural (ruizinho pra caramba). Padrão FIFA é uó. Estilo da seleção brasileira deixou muito a desejar. Espero que tenha sido somente um “começar com pé esquerdo”, porque se continuar assim, ficaremos a ver navios.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s