quase dois meses na terrinha

É, gente, tudo na vida tem um limite, inclusive o tempo fora de casa, da rotina, de ter as rédeas da vida em nossas mãos. Sinto falta de chegar em casa, de cozinhar, de ir ao Mercado, de colocar as crianças pra dormir no quartinho delas, de organizar meus eventos, de trabalhar no meu projeto, de ter o controle da situação.  Infelizmente acho que dessa vez exageramos e agimos no impulso quando decidimos passar 3 meses fora de casa. Três meses é muito tempo, muito mesmo! E por mais que estejamos aproveitando bastante, chega um momento que a falta que se sente de casa, do nosso bom e velho dia-a-dia é tão grande, que começa um conflito interno entre querer voltar e saber que vai morrer de saudade do tempo que passamos aqui. É dose!
Confesso que neste exato momento, meu descontentamento maior é por conta do comportamento irritantemente mimado do meu filhote maior que anda passando dos limites diariamente. Vivisauro anda atacadíssimo, a ponto de gritar “eu quero isso agora!!!”ou então “não quero comer isso porque é eca”  e chega ao ponto se debulhar em lágrimas porque não quer engolir o suflê de cenoura “eca”. O problema foi que desde que chegamos aqui, fui afrouxando as rédeas e o bonitinho, quando tem plateia faz um show daqueles caprichados, de deixar qualquer garoto mimado no chinelinho. Nessas horas eu penso: se estivéssemos em casa, isso não estaria acontecendo. Mas fazer o que? É muito difícil manter o controle quando a vida está assim tão solta, e criança, vocês sabem, precisa de regras, limites e isso anda em falta por aqui e é por essas e outras que we miss home. Sim, “we!”, até mesmo o Vivi, apesar de todas as vantagens e regalias, tem me perguntado diariamente: “mamãe, a gente pode voltar pra Austrália hoje?” – ele morre de saudades da nossa casa, da creche, dos amiguinhos e claro dos brinquedos que o estão esperando lá na terra do cangurú (o que me faz lembrar que o Papai Noel Australiano prometeu entregar uma bicicleta e uma scooter na casa nova, OMG!)

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s